Como detectar fake news? Experimente estes 6 passos simples

Uncategorized

Como detectar fake news? Experimente estes 6 passos simples

Andrea W
Escrito por Andrea W em junho 19, 2020
Como detectar fake news? Experimente estes 6 passos simples
Junte-se a mais de 127.133 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Todos nós já estivemos lá – seja uma notícia ou outra. Sejam as mensagens aparentemente benéficas do WhatsApp compartilhadas por nossos parentes preocupados no grupo familiar ou manchetes instigantes dos artigos compartilhados no Facebook.

As notícias falsas ou fake news agora fazem parte iminente das mídias e sites sociais.

Além de usar sites e aplicativos de verificação de fatos  para conhecer a credibilidade das notícias, aqui estão algumas etapas simples que você pode seguir para identificar notícias falsas. Não é uma lista exaustiva, pois, assim como os rumores, as fake news se baseiam nas notícias existentes e, portanto, são difíceis de detectar. 

INFORMAÇÕES FALSAS X FAKE NEWS

Agora, os especialistas recomendam evitar o termo ‘notícias falsas’ ou, pelo menos, limitar seu uso, pois o termo ‘notícias falsas’ está intimamente associado à política, e essa associação pode restringir, sem ajuda, o foco da questão.

O termo ‘informação falsa’ é preferível, pois pode se referir a uma gama diversificada de desinformação que abrange tópicos como saúde, meio ambiente e economia em todas as plataformas e gêneros, enquanto ‘notícias falsas’ é entendida mais estritamente como notícias políticas.

Mas esses pontos são definitivamente um bom começo para identificar fake news.

1. SEMPRE VERIFIQUE A FONTE 

Qual é o nome da página e quem é o autor?

O que diz a página “Sobre nós”?

As notícias foram compartilhadas em um site de notícias ou plataformas de mídia social?

Sempre que você encontrar uma notícia, verifique o nome da página e procure outros artigos publicados. Consulte a seção “Sobre nós” para obter informações adicionais sobre sua credibilidade.

Se você notar alguma coisa errada, pesquise no Google o nome do site.

Se você recebeu as notícias como um  encaminhamento do WhatsApp, pergunte ao remetente sobre os detalhes das notícias. Se eles não souberem o suficiente, não compartilhe mais as notícias.

2. NÃO BASTA LER AS MANCHETES

A manchete é provocativa?

A manchete está fornecendo muita informação?

Leia sempre o artigo completo antes de tirar conclusões apenas com base nas manchetes.

Frequentemente, artigos de notícias falsos usam títulos enganosos para obter mais visualizações, cliques e compartilhamentos. Leia sempre o artigo completo antes de tirar qualquer conclusão e compartilhá-lo.

Se um título parecer ultrajante demais para ser verdade, pode ser uma isca de clique.

Verifique a seção de comentários para ver o que as pessoas que a leram têm a dizer.

Leia além das manchetes e, se você não tiver tempo, também não as compartilhe.

3. ANALISE SUAS EMOÇÕES DEPOIS DE LER AS NOTÍCIAS

Você sente emoções fortes depois de ler as notícias?

O artigo está alinhado com algum viés existente?

Qual é o objetivo das notícias? É informar, educar, perseguir ou provocar?

As notícias falsas contam com respostas emocionais dos leitores para obter mais compartilhamentos e curtidas. Tente entender o que o artigo está tentando fazer.

Está tentando informar, persuadir ou provocar?

Se for um artigo informativo, os fatos estão corretos? O artigo está relatando todos os lados da história?

Verifique o tipo de artigo que o site / página publica e sempre avalie o que o artigo está fazendo você se sentir.

4. PROCURE CITAÇÕES DE PESSOAS REAIS 

O artigo tem fontes confiáveis ​​para apoiar sua história?

Eles forneceram links para sites confiáveis?

Há alguma declaração de pessoas proeminentes no artigo?

Artigos de notícias confiáveis ​​sempre fornecem links para fontes confiáveis ​​para fortalecer a confiabilidade. Além disso, citam as declarações das pessoas envolvidas nas notícias.

Se houve um roubo, você pode esperar uma cotação do policial local. Se um paciente com câncer de 8 anos de idade precisar de sua ajuda, pode esperar ver o nome e os detalhes.

Se as fontes e citações estiverem ausentes, você precisará pesquisar mais antes de compartilhar as notícias.

5. INSPECIONE AS IMAGENS CUIDADOSAMENTE 

Amplie a imagem com cuidado e procure os detalhes que encontrar.

Verifique se a imagem está tentando cobrir textos usando faixas ou gráficos demais.

A imagem é editada ou é real, mas é usada no contexto errado?

Imagens falsas são usadas para captar a atenção instantaneamente e podem ser vistas de duas formas – Imagens editadas e imagens reais usadas no contexto errado.

Detectar imagens falsas é bastante difícil devido ao software de edição profissional disponível.

Tente inspecionar se uma imagem é falsa, ampliando e procurando detalhes do local e outras informações que você pode encontrar.

Além disso, a execução de uma  pesquisa reversa do Google  será útil.

  1. PESQUISE NO GOOGLE AS NOTÍCIAS PARA CONFIRMAR 

As notícias foram cobertas por outras fontes?

A notícia oferece todos os lados da história?

As notícias estão alimentando seu viés de confirmação?

Uma simples pesquisa no Google sobre as notícias mostrará todas as fontes que cobriram as notícias até agora.

As notícias falsas geralmente se baseiam nas notícias reais existentes e, portanto, tornam-se difíceis de detectar.

Leia as mesmas notícias de fontes diferentes para entender todas as instâncias / ângulos das notícias e não apenas aquele que as notícias falsas estão divulgando.

Enfim, com o crescente destaque do conteúdo da Internet e das mídias sociais, as fake news também aumentaram enormemente. Os pontos mencionados aqui são apenas alguns critérios que você pode usar para avaliar notícias falsas.

Por fim, é você quem deve estar ciente de seus gatilhos emocionais e examinar tudo criticamente.Sempre faça uma pausa antes de compartilhar ou encaminhar qualquer coisa.

O QUE ACHOU DO POST? COMENTE!

 

Deixe o seu comentário!

comentários

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *