Notícias

Disney é acusada por suposta espionagem de crianças

Professor Gama
Escrito por Professor Gama em agosto 10, 2017
Disney é acusada por suposta espionagem de crianças
Junte-se a mais de 127.133 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Um processo coletivo foi aberto contra a empresa. A acusação deve-se à coleta de dados de crianças através de aplicativos para vendê-los à empresas de publicidade, posteriormente.

Disney
Disney estaria coletando ilegalmente dados de crianças de 42 apps.

A Disney e mais três empresas dos Estados Unidos estão sendo processadas por suposta coleta ilegal de dados de crianças. A acusação envolve 42 apps da Disney, além das empresas Upsight, Unit e Kochava.

Através dos aplicativos, as informações pessoais de crianças eram recolhidas e partilhadas com terceiros para fins de publicidade, sem o consentimento dos pais.

Segundo a autora da ação, Amanda Rushing, os aplicativos de conteúdo infantil escondem um software que coleta informações. Ela disse não estar ciente de que os dados do seu filho seriam coletados e comercializados.

Amanda afirmou que foram recolhidas informações sobre o seu filho, enquanto o mesmo jogava “Disney Princess Palace Pets”. A prática viola a Lei de Proteção da Privacidade da Criança Online. Tal lei tem como objetivo, proteger as crianças dos perigos da internet.

Disney alega ter sido um “mal-entendido”

De acordo com a legislação dos Estados Unidos, os produtos eletrônicos voltados para crianças com menos de 13 anos, precisam obter o consentimento dos pais para coletar suas informações.

Em matéria do site The Verge, a Disney disse que cumpre a lei, e que a mesma está sendo mal interpretada. Veja a declaração da empresa:

“A Disney possui um programa sólido de conformidade com a lei e mantemos políticas rigorosas de recolha e uso de dados para aplicações criadas para crianças e famílias. A queixa é baseada num mal-entendido fundamental dos princípios da Lei de Proteção da Privacidade da Criança Online e estamos ansiosos por podermos defender-nos desta ação em tribunal”.

A Disney já havia passado por um caso parecido em 2011. A empresa precisou pagar uma multa de US$3 milhões de dólares após coletar e divulgar dados de crianças menores de 13 anos, sem o consentimento dos pais.

O que você acha do assunto? Comente!

Confira também o nosso Dicionário Empresarial Avançado com os principais termos do mundo dos negócios!

Deixe o seu comentário!

comentários

Advogado e Empresário. Diretor de Marketing da Agencia Professor Gama

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a mais de 127.133 pessoas