&noscript=1"/>

Desenvolvimento Pessoal

O que é o Ayurveda? Como funciona a medicina ayurvédica

Andrea W
Escrito por Andrea W em janeiro 15, 2020
O que é o Ayurveda? Como funciona a medicina ayurvédica
Junte-se a mais de 127.133 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

 

Praticado na Índia há milhares de anos, o Ayurveda adota uma abordagem holística e personalizada, tratando toda a pessoa e fornecendo uma avaliação única de cada indivíduo.

O objetivo de qualquer tratamento é criar um equilíbrio mental e físico harmonioso, sinônimo de saúde e bem-estar.

Na terminologia ayurvédica, todos têm uma combinação única de três doshas ou tipos de energia: vata (que controla o movimento), pitta (que controla a digestão e o metabolismo) e kapha (que controla o crescimento e a manutenção). 

Qualquer coisa como estresse ou uma dieta ruim que perturba o equilíbrio dos doshas e vários subcomponentes podem ter efeitos físicos e mentais adversos.

E é sobre isso que iremos trazer neste post. Confira!

O QUE É O AYURVEDA?

O Ayurveda, um sistema natural de medicina, originou-se na Índia há mais de 3.000 anos.

O termo Ayurveda é derivado das palavras sânscritas ayur (vida) e veda (ciência ou conhecimento). 

Assim, Ayurveda se traduz em conhecimento da vida.

Com base na idéia de que a doença é causada por um desequilíbrio ou estresse na consciência de uma pessoa, o Ayurveda incentiva certas intervenções no estilo de vida e terapias naturais para recuperar o equilíbrio entre o corpo, a mente, o espírito e o meio ambiente.

O tratamento ayurveda começa com um processo de purificação interno, seguido por uma dieta especial, remédios de ervas, massoterapia, yoga e meditação.

Os conceitos de interconexão universal, a constituição do corpo ( prakriti ) e as forças da vida ( doshas ) são a base principal da medicina ayurvédica.

Os objetivos do tratamento ajudam a pessoa a eliminar impurezas, reduzir sintomas, aumentar a resistência a doenças, reduzir a preocupação e aumentar a harmonia na vida.

Ervas e outras plantas, incluindo óleos e especiarias comuns, são amplamente utilizadas no tratamento ayurvédico. 

Na Índia, o Ayurveda é considerado uma forma de assistência médica, igual à medicina ocidental convencional, medicina tradicional chinesa, medicina naturopática e medicina homeopática. 

Os praticantes de Ayurveda na Índia passam por um treinamento institucionalizado e reconhecido pelo estado.

Atualmente, os profissionais ayurvédicos não estão licenciados nos Estados Unidos e não existe um padrão nacional para treinamento ou certificação ayurvédica.

No entanto, as escolas ayurvédicas obtiveram aprovação como instituições educacionais em alguns estados.  

O Ayurveda pode ter efeitos positivos quando usado como terapia complementar em combinação com os cuidados médicos convencionais.

PILARES DO  AYURVEDA

Uma vez identificado o tipo exato do desequilíbrio, o médico prescreve um tratamento personalizado.

Enquanto a natureza de tal sistema desafia a avaliação científica, a pesquisa ocidental apóia componentes individuais.

Os pilares do Ayurveda, incluindo práticas de estilo de vida, ioga, meditação e certas intervenções alimentares, foram emprestados e adaptados em todo o mundo. 

Estudos de ervas ayurvédicas específicas estão revelando constituintes que ajudam a explicar seus poderes terapêuticos.

Por exemplo, acredita-se que os compostos de ashwagandha e manjericão, conhecidos como adaptógenos, equilibram e revitalizam o corpo.

Da mesma forma, pesquisas sugerem que várias enzimas, hormônios e açúcares do aloe vera ajudam queimaduras e outras feridas a curar mais rapidamente; enquanto a combinação de aloe com duas ervas anti-inflamatórias – ashwagandha e açafrão – demonstrou tratar naturalmente a acne. 

Estudos de outra erva ayurvédica, a andrographis, sugerem que certos constituintes bioativos podem ser a chave para sua capacidade de prevenir e reduzir o resfriado comum.

UMA VISITA A UM PRATICANTE DE AYURVEDA 

Em uma sessão inicial de tratamento, seu médico perguntará sobre seu histórico médico, dieta e estilo de vida.

Ele ou ela fará um breve exame físico, medindo seu pulso, olhando seus olhos, língua e pele e até avaliando sua voz. 

O tratamento será projetado para restaurar seu equilíbrio pessoal dosha e pode incluir mudanças no estilo de vida e na dieta, mantras e meditação, além de estratégias de limpeza e medicamentos fitoterápicos.

O PAPEL DOS ALIMENTOS NA MEDICINA AYURVÉDICA

A dieta é um componente-chave do sistema de cura ayurvédica e um profissional perguntará sobre o seu.

Ele recomendará que você coma mais ou menos certos tipos de alimentos, ervas e especiarias – dependendo do seu dosha – com o objetivo de recuperar o equilíbrio do corpo. 

Quando o corpo está bem nutrido e equilibrado, é mais capaz de combater infecções e é menos provável que surjam doenças.

Os ingredientes comuns na culinária ayurvédica incluem manjericão, gengibre, feno-grego, alho, gotu kola, açafrão e óleo de semente de gergelim.

A APLICAÇÃO PRÁTICA DA AYURVEDA

O objetivo geral do Ayurveda é restaurar o equilíbrio do corpo.

Os primeiros passos incluem panchakama:

a prática de limpar o corpo de alimentos não digeridos e também pode começar com meditações para limpar a mente e expandir a consciência. 

Os praticantes de Ayurveda acreditam que a mente tem uma poderosa capacidade de curar o corpo.

Os principais aspectos do Ayurveda podem ser praticados facilmente sem ajuda de especialistas, concentrando-se em manter uma dieta saudável, digestão, sono e harmonia com o corpo.

DIETA

Essencial para a prática do Ayurveda é prestar muita atenção aos alimentos que consumimos, que envolve a identificação com o conceito “você é o que você come”.

Recomenda-se alimentos nutritivos, coloridos, frescos, saborosos e o que seu corpo deseja.

Alimentos que contêm cores como azul profundo, roxo, vermelho, verde ou laranja geralmente contêm muitos antioxidantes.

Os profissionais incentivam você a incorporar esses seis gostos em sua dieta:

doce, salgado, azedo, picante, amargo e adstringente.

Ayurveda também defende uma compreensão das poderosas propriedades curativas de ervas e especiarias.

Açafrão e gengibre são anti-cancerígenos, anti-inflamatórios e fortemente anti-oxidantes, e são apenas um exemplo de mais de 200.000 a 300.000 ervas e especiarias existentes no mundo hoje.

DIGESTÃO

A digestão está relacionada ao ‘agni’ de um indivíduo, seu fogo, e ‘ama’ é um resíduo tóxico que pode se acumular quando a digestão ainda está para terminar.

Para uma melhor digestão, os princípios do Ayurveda envolvem:

  • Sempre estar sentado ao comer (nunca comendo apressado ou em pé);
  • Ser consciente e apreciar sua comida;
  • Comer em um ambiente descontraído e confortável, que permite ao corpo processar e absorver nutrientes com sucesso.

DORMIR 

O sono é vital para a restauração do corpo.

Uma quantidade adequada de sono dá ao corpo e à mente tempo para reparar e curar.

Isso significa acordar cedo, dormir cedo e permanecer em torno de sete a nove horas.

HARMONIA 

Ayurveda afirma que é ideal estar em harmonia com a natureza.

Nesse sentido, inclui cercar os sentidos com experiências positivas com a natureza, como o contato físico de árvores, folhas e grama na pele. 

Expor-se ao clima também permitirá que os mecanismos de defesa natural do corpo entrem em ação; isso deveria ser particularmente verdadeiro com o frio.

Essa antiga prática indiana não deve ser considerada uma alternativa à medicina moderna.

Ela é uma mentalidade que pode ser adotada se alguém quiser melhorar sua qualidade de vida em geral. 

Isso pode ser feito através da respiração iogue, como o pranayama, entendendo as propriedades de diferentes ervas e escolhendo conscientemente uma dieta que beneficie o corpo.

A FILOSOFIA POR TRÁS DO AYURVEDA

Ayurveda baseia-se na ideologia de que toda pessoa é composta de espaço, fogo, água e terra, e estes são representados por três doshas, ​​ou “energias vitais”.

Eles incluem vata dosha, pitta dosha e kapha dosha.

Cada pessoa tem mais de um e menos de outro, e esse nivelamento determina de que tipo de doenças elas podem sofrer.

Vata Dosha controla as funções corporais mais básicas, como mente, respiração, batimentos cardíacos etc.

Pode ser interrompido pela ingestão excessiva, além de medo e tristeza.

Se estiver desequilibrado, pode causar ansiedade e asma.

Pitta Dosha controla a digestão, metabolismo e hormônios ligados ao apetite.

Pode ser perturbado por muita exposição ao sol e por comer alimentos muito picantes ou muito azedos.

 Kapha Dosha controla o crescimento muscular, força e estabilidade do corpo, peso e sistema imunológico.

Quando desequilibrado – causado pelo frio e pouco exercício – pode causar lentidão e depressão.

A natureza como a conhecemos tem uma capacidade incrível de curar a si mesma.

Fomos presenteados com ervas e alimentos nutritivos que nos permitem fazer o mesmo.

Ayurveda nos lembra o dom inato da cura da natureza que todos nós também temos.

 

Deixe o seu comentário!

comentários

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *